quinta-feira, 22 de agosto de 2019

Pivete Nobre - Mixtape Pivete Nobre (2019)...




Há quase 10 anos atrás ele começava a se fazer conhecer como Felipe Gurih e soltava o videoclipe acima, uma música premonitória, onde o mc então afirmava não saber o que encontraria no futuro mas que esperava encontrar amor, paz e felicidade. Há oito anos e uns quebrados atrás, o mano lançava a faixa O Que Ela Tem (2011), o primeiro grande hit do rap baiano na era do youtube. Ao imenso sucesso da lovesong, se seguiu outra: Nada (2011), e mais quase uma dúzia de outros singles solos que o firmaram como uma realidade.Junto ao seu grupo Saca Só, Gurih participou de um dos melhores EP’s (tem toda cara de disco) Se Eles Não Faz Noz Faz (2013). Numa aliança com os parceiros DJ Berlota, Span e Big Smokeman o grupo de Cajazeiras riscou e fixou seu nome em Salcity. A caminhada coletiva trouxe em 2016 a fundação da firma/banca Estilo Solto, na visão de profissionalizar e fortalecer mais ainda a correria! Pivete Nobre (Gurih) vem de uma longa caminhada no cenário do rap baiano como acima fica bastante evidente. Uma década e um bocadinho de tempo depois o mano, soltou uma mixtape que precisa ser escutada, seus múltiplos talentos são nesse trabalho demonstrado com uma força e uma diversidade que impressiona. Um talento como Pivete Nobre não é algo raro na cena de Salvador, o que é raro por aqui é o público valorizar quem é de verdade, o que é bastante raro aqui é uma visão mais ampla das histórias, individuais e coletiva que compõem a cena... VIA
Tags:  , ,          

Bárbara Eugênia - Tuda (2019)...




Download: Tuda (2019).zip

Bárbara Eugênia sempre pautou o romantismo em seus registros.Desde a paixão juvenil em “Por Aí”, do Jounal de Bad (2010); dos momentos conflituosos de “Roupa Suja”; É o Que Temos (2013); ou da tentativa de dar uma nova chance a uma relação gasta em “Recomeçar”, do Frou Frou (2015); Bárbara destacou as diversas nuances de tal sentimento em seus versos, sem medo de se expor ou soar excessivamente dramática. A cantora entrega-se ao lirismo romântico em suas obras, realçados sonoramente pelas inspirações encontradas na música brega e na jovem guarda. Porém, com Tuda (2019), quarto álbum de inéditas da carioca, Bárbara resolve desbravar por novas experimentações.São sintetizadores oitentistas, baterias robóticas, percussões afro, boas doses de música latina e alguns tons de psicodelia. Elementos que trazem um frescor para o mesmo alicerce poético que sustenta as composições da cantora desde sua estreia... VIA
Tags:  , , , , ,          

quarta-feira, 21 de agosto de 2019

Babuca Grimaldi - Pindorama Utrópicos (2019)...




Unindo as raízes da música tradicional, do jazz, da música europeia e sul americana, além de inspirações indígenas e da literatura, o cantor, compositor, produtor e arranjador soteropolitano Babuca Grimaldi lança seu novo trabalho autoral “Pindorama Utrópicos”. O álbum marca a maturidade criativa do artista e a busca por representar suas experiências, inquietações e ativismos em forma de arte.O álbum ainda conta com a toada “A Parte e o Todo”, composta como uma adaptação de um poema de Gregório de Matos, e uma banda base formada pelo próprio Babuca Grimaldi (violão, voz, arranjos e direção musical), Sebastian Notini (bateria e percussões), André Becker (sax tenor, sax alto e flauta) e Ldson Galter (contrabaixo acústico). Artistas como Rowney Scott, Ivan Bastos, Joatan Nascimento, Mou Brasil, Maria do Sol, Rafael Galeffi, Fabrício Cyem, Rodrigo Sestrem, Marcelo Galter e Matias Traut fazem participações especiais... VIA
Tags:  , , , ,          

Muep Etmo - 1989 EP (2019)...




Muep Etmo é músico, compositor e engenheiro de som. No EP ‘’1989’’, 91% dos sons são provenientes de um piano Essex preparado pelo lado externo. O piano foi gravado em 3 canais, cada um contento uma média de aproximadamente 5 efeitos como o Ottobit Jr. da Meris, Dod FX95, Grazer da Dwarfcraft, Harmonizer H8000, o Data Corrupter da Earth Quaker Devices e alguns outros mais. Os 9% não provenientes do piano processado por múltiplos pedais é um loop feito por Muep em sua fase fuzz e que está na faixa que leva o nome do EP. Nessa época gravou um loop de restos de guitarra misturados com um kick digital...
Tags:  , , , ,          

terça-feira, 20 de agosto de 2019

Luiza Brina - Tenho saudade mas já passou (2019)...




Existe uma leveza rara no som produzido por Luiza Brina. Coisa que só artista mineiro sabe como fazer. Melodias que parecem dançar pelo tempo, flutuando em meio a diferentes fases da nossa música, como um permanente resgate de sensações, vivências e memórias empoeiradas. Um misto de nostalgia e evidente desejo de transformação, estrutura que orienta de forma simples cada fragmento de voz, nota ou minucioso entalhe criativo que embala o terceiro e mais recente álbum de estúdio da cantora e compositora belo-horizontina, Tenho Saudade Mas Já Passou (2019, Matraca / YB).Sequência ao também delicado Tão Tá (2017), obra que contou com produção de Chico Neves (Los Hermanos, Skank) e a interferência de um time seleto de instrumentistas mineiros, o novo álbum segue uma medida própria de tempo, sem pressa, envolvendo o ouvinte aos poucos. “Como será que a música começa?“, questiona logo nos primeiros minutos do trabalho, como se apontasse a direção curiosa que orienta a experiência do público até o último instante do álbum. São vozes cristalinas que se espalham em meio a melodias de pianos, como um permanente exercício de saudação e acolhimento sensorial... VIA
Tags:  , , , , , ,          

Guardavento - Apesar de Tudo (2019)...




A banda brasiliense Guardavento é formada por Naiça Mel (Vocal), Lídia Moreira (Teclados), Anderson Freitas (Guitarra/teclado), Humberto Florim (Baixo) e Yan Britto (Bateria). Nas suas influências estão a MPB, a World Music e o Pop, e fica claro que o grupo sabe pegar tudo isso e transformar em algo que tem a sua cara...
Tags:  , , , , ,          

segunda-feira, 19 de agosto de 2019

Lucas Telles - Outono (2019)...




Dessa nova safra de instrumentistas e compositores que se destacam dentro do cenário da música instrumental brasileira, um deles é o violonista de 7 cordas, o belorizontino Lucas Telles. Lucas já era incensado como um grande talento dentro do meio musical por seu trabalho no quarteto Toca de Tatu. Agora, em plena primavera criativa, Lucas lança seu trabalho solo ‘Outono’. Vamos conhecer um pouco de sua vida e arte... Leia a entrevista
Tags:  , , , , , ,          

Keila - Malaka (2019)...




Como integrante da Gang do Eletro, Keila Gentil e seus parceiros de banda, DJ Waldo Squash, Marcos Maderito e William Love, trabalharam na consolidação da música paraense, fazendo da criativa colagem de referências, batidas eletrônicas e fórmulas instrumentais o princípio de toda uma sequência de obras que seriam apresentadas no decorrer da presente década. Em Malaka (2019, Deck Disc), primeiro álbum de estúdio em carreira solo, a cantora e compositora vai além, provando de novas possibilidades e ritmos, proposta que naturalmente convida o ouvinte a dançar. Não por acaso, Keila e o parceiro de produção, o baiano Felipe Pomar, escolheram a divertida Brega Doido como faixa de abertura do disco. São pouco mais de dois minutos em que a artista paraense brinca com as palavras em uma estrutura deliciosamente pegajosa e dançante. “Quem ouve o Brega Doido não consegue resistir / A Malaka treme / A Malaka desce / A Malaka Pira / A Malaka mexe“, canta enquanto sintetizadores e batidas quentes correm ao fundo da canção, indicando a trilha seguida até a faixa de encerramento do disco, Aperte o Botão... VIA
Tags:  , , , , , ,          

domingo, 18 de agosto de 2019

Personas - Nunca Foi Pra Dar Certo (2019)...



Download: Nunca Foi Para Dar Certo (2019).zip (Se der erro, bote o mail no bandcamp acima ou AQUI)

Pode ser meio complicado falar que o som de uma banda amadureceu. A Personas, banda aqui de São José, lançou seu primeiro álbum completo na última sexta-feira, e tudo que eu posso falar (e mais um pouco), é que o grupo achou o seu som. Simples assim. A banda, talvez pela primeira vez, sabe por onde quer ir e o que quer ser. É claro que “Nunca Foi Para Dar Certo” é um resultado direto de um processo de amadurecimento, mas depois de mais de um ano de composição, a Personas poderia ter reduzido seu trabalho em faixas soltas, sem conexão, costumeiro de um primeiro álbum de uma banda underground (com todos os “poréns” de uma cena complicada). O resultado foi o contrário: a Personas se agarrou em tudo que ela tem de melhor, que pouco ficou impresso no EP “Vazio”, de 2017. Coração, crueza, e, ao mesmo tempo, a banda consegue sintetizar seu som em 11 faixas consistentes, que se interligam.“Muitas das músicas do ‘Nunca Foi Pra Dar Certo’ nasceram já no estúdio, de jams e brincadeiras que fazemos durante o ensaio e isso é algo que possibilitou uma dinâmica muito melhor e também que pudéssemos experimentar mais coisas novas” disse o guitarrista João Cappece sobre a concepção do álbum... VIA
Tags:  , , , , ,          

sábado, 17 de agosto de 2019

Terceiro Olho de Marte - Herbarium Parabolicae ou Língua Secreta das Sementes (2019)...




Herbarium Parabolicae ou Língua Secreta das Sementes é o primeiro álbum cheio do Terceiro Olho de Marte, um dos nomes mais interessantes da cidade na música psicodélica. Influenciados por estilos musicais de diversos lugares e épocas, principalmente por influências do experimental, ácido e psicodélico dos anos 60 e 70 de onde surgiu o desde o Krautrock até a Tropicália, a banda é uma manifestação de forma livre que se propõe a criar atmosferas oníricas de um tempo e espaço que oscila totalmente a cada música que é tocada. O disco foi gravado de fevereiro a julho de 2019 e pensado como uma compilação de delírios que narram desde formas alteradas de ver o cotidiano até rituais de contato com energias mais sutis. As passagens que deslizam entre o orgânico e o sintético, entre as raízes e os cabos conectores, entre os tambores e os osciladores são uma narrativa que tem como objetivo a invocação de dimensões que só acessamos em sonhos e alucinações, onde se confundem deuses com viajantes interplanetários e as tentativas de contato são as mesmas, sejam elas rumo ao magma do centro da terra ou rumo a um cinturão galáctico distante...
Tags:  , , , ,          

sexta-feira, 16 de agosto de 2019

Edi Rock - Origens (2019)...




Edi Rock mergulhou em suas raízes musicais mais profundas e abriu seus horizontes para explorar diferentes sons e se conectar com nomes da nova geração em seu segundo projeto solo da carreira. O álbum “Origens” é uma celebração à música brasileira, onde o rap se junta ao funk, ao samba e até ao sertanejo, com influências de R&B, reggae, rock, blues e folk. Sem perder sua identidade, Edi Rock marca presença nas composições das 14 faixas, onde conta com participações especiais nacionais e internacionais, entre velhos amigos e jovens promessas... VIA
Tags:  , , , ,          

Paulão - Special Power EP (2019)...




Eu não conhecia o trabalho de Paulão até a chegada de um e-mail do próprio, enviado para o endereço de contato da Célula Pop. Nele Paulão dizia sobre seu trabalho São Luís, capital do Maranhão. Um trabalho musical urbano, moderno, cheio de sons da rua e de entendimento da ancestralidade como uma forma de resistência. Vocês sabem, viver no Brasil hoje é sinônimo de resistir, porém, há gente que resiste há mais tempo por conta de inúmeras injustiças na nossa terrível história. E Paulão provavelmente é parte desses resistentes de nascença. Seu EP, “Special Power”, é uma pequena amostra de como a arte pode significar muitas coisas além do prazer estético. Paulão é Paulo César Linhares, músico e produtor da cena do bairro Cohatrac, em São Luís. Após passar por algumas bandas, ele decidiu ingressar numa carreira solo em “Faz escuro, mas eu canto”, de 2016. Este EP é seu segundo trabalho e aponta para vários rumos dentro de vários caminhos dentro da “música nordestina”. Além da vida como músico, produtor, Paulão também é agitador cultural e mantém rodando as engrenagens de artistas, espaços e meios de expressão artística por lá. Não por acaso, “Special Power” surge como uma arejada resposta à mesmice musical que impera no país... VIA
Tags:  , , , ,          

quinta-feira, 15 de agosto de 2019

Marcio Teixeira de Mello - Um Resto (2019)...



Download: Um Resto (2019).zip (ou vá em ouça)

Em "Um Resto", lançado pelo selo unsbeat, Marcio Teixeira de Mello experimenta eletronicamente, indo do noise ao bate estaca fútil que, por ser estar levemente fora de si, acaba indo para outro lugar. No álbum, entre loops, barulhos e até algumas guitarras, há gravações que datam entre 1995 e 2019, mas todas, de alguma forma, acabam dialogando muito bem entre si. O resultado é bem interessante...
Tags:  , , ,          

Slowner - Slowner EP (2019)...





Direto de Recife, falamos com o Slowner que falam sobre seu mais novo registro! Quando e como se juntaram pra montar a banda? Lucas: A ideia surgiu em julho de 2018 quando Gabriel descobriu Kyuss e mostrou a banda pra mim e Renata, a partir daí a gente viciou nesse tipo de som e começou a procurar bandas semelhantes e descobriu esse mundo que é o Stoner. Isso se somou a vontade de querer tirar um som autoral e começamos a compor, em outubro Isaac entrou pra guitarra e fechamos a formação que está até hoje... VIA
Tags:  , , , ,          

quarta-feira, 14 de agosto de 2019

Rubens da Selva - Existe Um Cachorro Faminto Latindo na Minha Barriga para Você (2019)...




Uma das surpresas mais legais das últimas semanas foi o disco Existe um Cachorro Faminto na Minha Barriga Latindo pra Você. O nome atrelado à obra, Rubens da Selva, pode parecer inédito para alguns, mas é alguém que conhecemos de longa data nos projetos Mustache e os Apaches, Mescalines e (mais recentemente) Os Barbapapas. “O título do disco saiu de uma canção de amor”, contou ele ao Música Pavê por telefone, “eu estava apaixonado por uma mulher, a gente estava dormindo junto, minha barriga roncou e não tinha nada na geladeira. Foi uma brincadeira na hora, mas virou uma letra de duplo sentido que surgiu do amor mesmo”. Ao comentar mais sobre a obra e seu conteúdo, o músico gaúcho diz: “Todo disco fala sobre amor, porque amor pode ser também pela humanidade, não só sobre alguém”... VIA
Tags:  , , , , , ,          

Hot & Oreia - Rap Massagem (2019)...




A dupla de Hot e Oreia lança seu primeiro álbum, intitulado “Rap de massagem”. O disco conta com participações de Djonga, Luedji Luna, Marina Sena, Rafael Fantinni e LG Lopes. O conceito do disco parte do sentimento de não-pertencimento da dupla ao cenário do Rap nacional e traz críticas satirizadas sobre o atual governo, além de mesclar linguagens musicais que fogem do tradicional padrão do estilo. O disco foi gravado nos estúdios Giffoni e Morada é a produção e direção musical é de Henrique Staino... VIA
Tags:  , ,          

terça-feira, 13 de agosto de 2019

Tai Veroto - Vamos (2019)...



Download: Vamos (2019).zip

O clipe raivoso de “Empreendimento”, está dentro do pacífico disco de estreia “Vamos” (2019). De produção independente, o trabalho representa a mudança inerente à existência humana: tão poética quanto surpreendente! O álbum foi gestado por dois anos, com produção de Tai Veroto e Gabriel Serapicos. “O disco é sobre seguir em frente. Essa é a essência, apesar de conter diversos temas e elementos na sua composição. Seguir em frente é entender o tempo. Aprender que tudo tem a sua hora e seu lugar. Eu poderia citar diversas inspirações musicais e artísticas (Lenny Kravitz, Alabama Shakes e Chico Science são alguns nomes), mas acho que o maior estímulo para a gravação desse álbum foram todas as pessoas que me disseram ‘siga em frente’ em momentos difíceis. Todos que disseram que o que eu faço vale o esforço.”, elogia Tai... VIA
Tags:  , , ,          

Breu - Ideia Errada (2019)...




“Que beleza é conhecer o desencanto e ver tudo bem mais claro no escuro”, um lema entoado na voz de Tim Maia tornou-se o significado mais visceral para os brasilienses da banda Breu. Com o foco em renovar a essência da banda, a primeira coisa a ser feita foi mudar o nome, deixar mais acessível, mesmo que a ideia tenha surgido de uma mesa de bar. Antes conhecida como MDNGHT MDNGHT, inclusive um dos nomes que compuseram o line-up do Festival TMDQA! em 2017, o quarteto assume uma forma de renovação. E Breu foi um ótimo ponto de partida. Formada por Henrique Cintra ‘Bepo’ (vocalista e tecladista), Maurício Barcelos ‘Malms’ (baixista), Henrique Rodrigues ‘Biu’ (guitarrista) e Anderson Freitas (baterista), a banda por fim traz ao mundo o disco Ideia Errada. Com 11 faixas que nasceram de inúmeras jam sessions feitas no estúdio, o trabalho de estreia conta com a produção de André Zinelli e Diego Poloni, que também assina a mixagem e masterização... VIA
Tags:  , , , , ,          

segunda-feira, 12 de agosto de 2019

Denov - Manual Prático (2019)...




Se destacando na cena hip-hop nacional em 2018, Denov lançou seu grande álbum de estreia Manual Prático em março desse ano...
Tags:  , ,          

Papisa - Fenda (2019)...



Download: Fenda (2019).zip

No mundo das certezas absolutas, parece contraintuitivo mergulhar nas dúvidas, nos mistérios, no que nos tira da zona de conforto, e, até mesmo, naquilo que estremece as nossas próprias certezas. Abalando os olhares cartesianos e mergulhando de cabeça nas respostas de ordem subjetiva, arte e saberes místicos vêm renovando nosso olhar e atiçando nossa sensibilidade. Encarando de peito aberto os mistérios – mais especificamente os contornos da morte – Rita Oliva, a Papisa, assenta-se na intersecção entre arte e misticismo e “desfaz a utopia devagar” em seu novo disco, Fenda. Vindo ao mundo na última sexta-feira, 3, em noite de lua nova sob o signo de leão, o lançamento foi gestado no home studio da artista e traz uma Papisa que se questiona e se revela através de diversas linguagens. Além das composições e vocais, ela é responsável pela percussão, bateria, vozes, synths, guitarra, violão, piano, baixo, e por aí vai. Com uma força bastante instintiva, Fenda tece uma narrativa em suspensão, situando-se entre um lugar indeterminado no espaço e no tempo. Sob uma sonoridade que mistura orgânico e sintético, o disco investiga a morte, suas impermanências e suas transmutações... VIA
Tags:  , , , , ,