domingo, 21 de julho de 2024

Növa - HIGH (2024)...





Download: HIGH (2024).zip (Ou vá no bandcamp da banda ou no site do HC REC)

 A Növa é uma banda piauiense formada em 2004 na cidade de Teresina e que, em 20 anos, passou por algumas formações, fez apresentações na capital do Piauí e nos estados vizinhos Ceará e Maranhão além de registrar uma demo, dois EPs e dois álbuns (um de estúdio e um ao vivo), além de vários singles. Agora, em comemoração aos 20 anos de história, o trio está lançando “HIGH”, seu terceiro álbum. Formada por Fernando Castelo Branco (baixo), Rubens Lerneh (guitarra, programações e voz) e Raylanne Leal (guitarras e violões), a Növa mistura elementos sonoros de todas as fases da banda em “HIGH”: “O título tem relação direta com o que a gente passou nestes últimos anos, com o mundo numa espiral de loucura, extrema-direita pipocando por todo lado, pandemia, com nossos monstros interiores etc. E enfrentar isso tudo sozinho, de ‘cara limpa’ foi e é bem complicado”, explica Rubens, vocalista e compositor principal da banda desde o início. O rock áspero independente dos anos 1990 é uma das influências da banda: “Lá no começo as músicas eram mais garageiras, com uma pegada mais Sonic Youth/Dinosaur Jr. Depois foram ficando mais melódicas. Por fim, agora estão mais shoegaze, mais viajantes, com mais efeitos. Não sei se isso tem diretamente a ver com mudanças de formação, você acaba sendo a soma das coisas que você escuta, até mesmo por tabela”, comenta Fernando, baixista e também um dos fundadores da banda... Continue Lendo no Scream Yell

Tags:  , , , , , ,          

sábado, 20 de julho de 2024

Partido da Classe Perigosa - Classe Perigosa (2024)...




Download: Classe Perigosa (2024).zip (Ou vá no bandcamp acima)

 O Partido da Classe Perigosa vem por meio deste comunicado anunciar seu primeiro lançamento "Classe Perigosa" disponível a partir do 10/07/2024 Este primeiro E.P. Consiste de 3 faixas que representam bem o som e o papo do Partidinho servindo como pedra inaugural dos trabalhos. Todos somos a Classe Perigosa...

Tags:  , , , , ,          

sexta-feira, 19 de julho de 2024

Paira - EP01 (2024)...



Download: EP01 (2024).rar

 Uma pena que o Paira tenha optado por estrear com um EP, e não com um álbum cheio após singles. O som do duo mineiro de rock alternativo e eletrônico chama a atenção pelas boas composições, pelo experimentalismo dosado com belas melodias e pelas letras, bastante poéticas. O disco abre com um drum’n’ bass frenético e pesado, Música lenta – e que curiosamente soa como uma espécie de punk bossa, com ruídos unidos a vocais doces. O clima eletrônico e contemplativo prossegue em O fio, com linhas vocais sugerindo certa relação com o rock brasileiro dos anos 1990 (a lembrança são os vocais hiphoppeados de Chorão). E no dream pop eletroacústico de Leve e Como um rio, ambas sugerindo mansidão em títulos, letras e vozes, apesar do agito dos beats. É nesse clima ambíguo, entre tons pesados e delicadezas, que o disco se desenrola. Encerrando EP01, tem 19, um shoegaze que ganha batidas eletrônicas só do meio para o final, e destaca os vocais delicados de Clara Borges... Via Pop Fantasma

Tags:  , , , , ,          

Katarina Nepomuk - Conscin (2024)...




Katarina Nepomuk, cantora, compositora, beatmaker, poetiza, multi-instrumentista a mais de 20 anos na música, participou de vários projetos musicais como intérprete, como também desenvolveu projetos autorais, em 2017 lançou um EP chamado ‘’Sentido Singular’’ com 6 faixas, participou de uma coletânea que teve alcance internacional a ( Music From Paraíba) com a faixa 12 da primeira edição. Deu início a produções no universo da música eletrônica no desafio 30Dias30Beats estando em todas as edições do projeto, que cuminou em vários trabalhos, como Beat Mantra Yoga, Lounge Zen Club que traz uma temática New Age entre vários outros estilos, lançou vários vídeos clips e algumas músicas e trabalhos audiovisuais, também é atuante na produção de trilhas sonoras para cinema e projetos. Lançou seu primeiro disco em 2024 chamado SERVA com 12 faixas, todas voltadas ao equilibro do ser e reflexões delicadas sobre a existência humana e crenças espirituais. No mesmo ano lançou seu primeiro trabalho totalmente eletrônico chamado CONSCIN, com 13 faixas instrumentais com uma pegada Lounge...

Tags:  , , , ,          

quinta-feira, 18 de julho de 2024

AERO - Espamos (2024)...

 



A AERO, banda de rock alternativo/shoegaze de Teresina, está de volta à cena musical após um hiato de quase quatro anos. Formada em 2007, a banda apenas lançou o primeiro álbum, “Tempestade & Ímpeto” em 2019, resultado dos dois primeiros EPs, "Ímpeto" e "Tempestade", ambos com temáticas inspiradas no movimento literário alemão “Sturm und Drang”. A sonoridade do grupo é marcada por influências de shoegaze, dreampop e noise pop, elementos que consolidaram sua presença nos principais eventos alternativos da capital piauiense até a separação do grupo em 2019. Em 2023, o grupo volta a se reunir para tirar do papel projetos e composições inacabadas e espantar alguns fantasmas do passado. Em seu novo trabalho, intitulado “Espasmos”, o tema escolhido foi o retorno em si, sob a perspectiva do decurso do tempo. O EP aborda o reencontro mais maduro dos integrantes e o papel que a música tem na vida de cada um. Pela primeira vez, todos do grupo participaram ativamente na elaboração das letras, além das contribuições nos arranjos e na idealização das texturas, estruturas e efeitos que dão sentido ao som. O nome das duas primeiras faixas (“Sustine” e “Abstine”) foram baseadas no princípio estoico “Sustine et Abstine” (em tradução livre: “suporta e abstém-te”), que também se relaciona conceitualmente com o tema escolhido, em virtude da necessária abordagem da aceitação da passagem do tempo, compreendendo os ciclos que envolvem as idas e vindas de um grupo de rock independente e do processo de amadurecimento....

Tags:  , , , ,          

Digmanybeats, Pazsado, Mascote - Flores Em Vida (2024)...




 A união entre Digmanybeats, Mascote e PaZSado, sendo um produtor e dois mc’s, se deu através de um convite do Produtor Diego Many, que pretendendo fazer um disco só com instrumentais Drumless, convidou os experientes letristas de São Bernardo do campo, que trafegam com desenvoltura em qualquer tipo de Batida, não seria diferente com esse estilo que valoriza apenas os recortes das músicas (samples), trazendo uma profundidade nas melodias, deslocando a atenção do ouvinte ainda mais para as letras. Desse convite Resultou em um disco com 9 faixas. Este trabalho abordou assuntos diversos que permeiam a sociedade e a vida. Um desses temas, carrega em si uma afirmação entre linhas “devemos valorizar as pessoas em vida” Essa questão foi aborda na faixa título “Flores em Vida”. O disco conta com duas participações, o Paulistano Rafael Lobato na faixa Revisitando Memórias e o Paulista do Vale do Paraíba, Mattenie na faixa intitulada Carretéis... Continue Lendo no Bandcamp

Tags:  , , , ,          

quarta-feira, 17 de julho de 2024

Patada - Talvez eu Cometa um Crime (2024)...





A Patada foi formada no início de 2022 com a proposta de fazer um garage-punk de músicas próprias, fáceis e rápidas. A sonoridade é pesada, combina guitarras sujas e reverberadas com um vocal gritado e agudo. O chimbal nervoso e o baixo chute no peito marcam as composições da banda, todas em português. No final de 2022 a banda lançou seu primeiro EP “Fogo Gasolina”. A estreia contou com 3 músicas gravadas na Laje Estúdio e lançadas pela Zoom Discos. Em 2024 Patada entrou novamente em estúdio para gravar o álbum “Talvez eu Cometa um Crime”, com seis músicas também gravadas na Laje. As letras falam sobre rotina, sobrecarga feminina e vontade de cometer um crime. O EP também será lançado em mídia física (CD) em breve!

Tags:  , , ,          

Conde - Serafim (2024)...




Após o lançamento do Ep Crisalida, o MC e produtor Conde se une novamente com o Musico / Guitarrista Suave coisa nenhuma para mais um projeto; Serafim. No meio do rap a mais de uma decada, Conde vem se estabelecendo no meio com diversos trabalhos solidos. Em 2022 lançou seu primeiro Ep solo "Furta bolo" em colaboração com o produtor SiaraMello, abordando temas densos e uma atmosfera que caminha entre o jazz e o rock psicodelico. Em 2023 deu continuade com sua mixtape "Skunk Zappa", totalmente produzida pelo mesmo, indo num caminho ainda mais experimental. No mesmo ano começou um trabalho intenso junto a suave coisa nenhuma, para criar uma atmosfera propria, fazendo a junção de beats/loops + guitarras e assim surgiu o Serafim. Trabalho totalmente dyi, produzido, captado e performado pelos mesmos, o album caminha por diversas atmosferas, começando num clima bem esperançoso e cheio de luz, para um final desesperançoso. Com diversas referencias a cultura pop, musica brasileira e filosofia, é um trabalho denso e conceitual...

Tags:  , , , ,          

terça-feira, 16 de julho de 2024

Leo Saud - Prefácio (2024)...




 O artista desta semana é a nova aposta para o Rap e Trap autoral. Um jovem que iniciou sua carreira em 2019 com três singles, quase seguiu outros caminhos, mas, como sempre falo, não fuja da música porque ela sempre te persegue e volta ao seu caminho. Que bom que nosso querido Leo Saud não desistiu e voltou com tudo este ano! Nascido e criado em São Mateus, na zona leste de São Paulo, ele sempre gostou de combinar influências de rap old school, trap, soul, jazz, R&B e MPB para criar uma sonoridade única. Seu EP primogênito, que será lançado em 28 de junho, “Prefácio”, conta em seis faixas a vida de um morador da periferia, abordando temas como amor, desejo, perda, saudade, solidão, esperança e propósito. Essas canções contaram com a produção, beats, mixagem e segunda voz de Pé Beat (que trabalhou com Emicida, Rashid, Rincon Sapiência, Drik Barbosa, entre outros), masterização de Alessandro Kbral e foram todas gravadas no estúdio Cedeca Sapopemba. No último dia 14 de junho, saiu o single que dá o pontapé inicial a esse novo EP, “No Hype”, acompanhado por seu primeiro videoclipe gravado no centro de São Paulo e dirigido por Felipe Mendes (já disponível no YouTube, assim como outros lyric videos!). Tanto o clipe quanto o futuro EP representam o início de uma jornada promissora para Leo Saud, que está determinado a superar as adversidades do mercado independente e se estabelecer como uma força criativa no mercado musical. Conheçam mais sobre nosso rapper/trapper que promete muitas novidades em breve!.. Continue Lendo no Medium da Hello Band

Tags:  , ,          

Poty - Monstros Ideais (2024)...




Poty é cantor e compositor natural de Jaguarão/RS. O artista conta com quatro trabalhos lançados sendo um EP (Casa/2016), dois álbuns solo (Percepção/2018 e Homens & Mundos/2022) e um álbum com o quarteto OBSP (OBSP/2020) e vem construindo sua carreira sempre focado em desenvolver e experimentar com suas músicas, sendo parte ativa na cena dos novos artistas gaúchos. "Monstros Ideais" é seu novo EP com 3 faixas. O trabalho foi produzido por Fu_k The Zeitgeist com Andrio Maquenzi (Superguidis) na guitarra e Brenno Di Napoli (Rita Lee) no baixo. O trabalho é um lançamento do 1Selo e ainda conta com a participação da cantora Indara Cattani...

Tags:  , , ,          

segunda-feira, 15 de julho de 2024

Ajuliacosta - Brutas Amam, Choram e Sentem Raiva (2023)...




Ajuliacosta vive para o rap. Nascida em Mogi das Cruzes, município da região metropolitana de São Paulo, a artista viu no hip hop uma forma de se encontrar como pessoa e profissional. Passando por expressões da cultura desde jovem, como a arte de rua, a moda e a música, foi com roupas autênticas e letras vorazes que AJU firmou seu espaço e hoje mantém sua marca de roupa feminina, a AJC$hop, e se destaca como um dos nomes mais quentes da cena. Mas a música chegou antes da moda. Incentivada pelas surpresas que uma programação de rádio pode proporcionar, Júlia Roberta conta que era dessa forma que costumava consumir música. “Eu até comprei um rádio recentemente, para ficar escutando na minha casa. É muito bom, você não escolhe a próxima música e você não faz a mínima ideia, é tipo um set na sua casa”. Além dos sons recebidos pelas ondas radiofônicas, ela conta que costumava ouvir samba, pagode, rap e funk. Já a moda apareceu do de desejo de participar ativamente do movimento hip hop. “Surgiu da minha vontade de me reafirmar dentro desse movimento, de participar disso fisicamente mesmo, de ter aquela personalidade do hip hop em mim. Eu tinha muita vontade de comprar, mas não tinha grana, então comecei a fazer”. Suas peças customizadas começaram a chamar atenção das amigas na escola – e a habilidade na costura veio também para contribuir com sua independência financeira. “Eu queria ter dinheiro para fazer meu rolê e ter as minhas coisas, não pensava em lucro e investimento”... Continue Lendo no Monkeybuzz

Tags:  , ,          

Rafa Martins - Dunaduna (2024)...




 Uma duna é uma estrutura ao mesmo tempo móvel e que se molda com o tempo e o caminho. Inspirado tanto pelas estruturas naturais e por uma corruptela do termo “do nada”, Rafa Martins lança “Dunaduna”, seu segundo disco. Destaque do indie nacional nos últimos 15 anos ao lado da  banda Selvagens à Procura de Lei, ele traz um olhar dançante e pop que veio de muita reflexão. “Em 2022 passei por alguns processos de rupturas em que caí de cabeça na terapia. A partir daí, decidi me reconectar comigo mesmo e consequentemente voltei a me empolgar com as possibilidades da vida. Nesse período vieram as composições do álbum. Tudo partiu da minha decisão de viver um período livre das minhas opiniões e das alheias e assim fui abrindo minha cabeça para várias coisas”, analisa Rafa, que trouxe inspirações do rock, do pop e de bandas independentes latinoamericanas... Continue Lendo no Portal do Artista

Tags:  , , , ,          

domingo, 14 de julho de 2024

Armada - Tales of Treason (2024)...





 “Reza a lenda que o segundo álbum de uma banda é o mais perigoso de toda a sua carreira, falam até em ‘maldição do segundo álbum’. Para quebrar essa maldição, decidimos fazer esse álbum totalmente diferente do primeiro, compondo-o inteiro em inglês”, revela Henrike Baliú, vocalista da Armada. “Tales Of Treason” conta com nove faixas produzidas e mixadas por Átila Ardanuy, e masterizadas por Ade Emsley, responsável pelos últimos trabalhos do Iron Maiden. O álbum leva a assinatura da gravadora americana Pirates Press Records, que em parceria com a Comandante Records, lança nos Estados Unidos e na Europa a versão do disco em LP. No Brasil, “Tales Of Treason” sai em CD sai pela TGR Sounds. “O parto desse álbum foi complicado, nasceu com fórceps”, conta o vocalista. “Logo que acabamos de gravar os instrumentos e a voz de uma música, veio a pandemia do Covid-19. Aí a gravação ficou parada por alguns anos e só conseguimos retomar quando o mundo voltou ‘ao normal’. E mesmo assim foi demorado, a Armada é muito exigente e detalhista, mas acredito que fizemos um ótimo disco, com letras fortes e atuais”... Continue Lendo no OverRocks

Tags:  , , , ,          

sábado, 13 de julho de 2024

Duquesa - Taurus, Vol. 2 (2024)...




 Após o sucesso do primeiro disco, Taurus, cantora baiana vai além do R&B e do trap em novo trabalho de estúdio, que conta com participações de Urias, Baco Exu do Blues e Tasha & Tracie Em um cenário musical frequentemente dominado por estéticas padronizadas, a cantora baiana Duquesa emerge como uma potência criativa, energizando a cena com sua autenticidade. Depois de ganhar destaque pelo público e pela imprensa nacional com o primeiro álbum de sua carreira, Taurus (2023), a artista agora apresenta o projeto de sequência, intitulado Taurus, Vol. 2, com maior versatilidade em músicas que surfam pelo rap, trap, grime, R&B, house e o pop. A artista, que acumula mais de 44 milhões de plays nas plataformas digitais e é dona de hits como “99 Problemas” e “Atlanta”, conta com importantes participações no novo disco, como Baco Exu do Blues, Urias, Tasha & Trace, Jovem Dex, Yunk Vino e Zaila. O trabalho chega pela produtora Boogie Naipe em todas as plataformas de streaming de áudio... Continue Lendo no BR Trace

Tags:  , , , ,          

sexta-feira, 12 de julho de 2024

Alumiô - Avuá (2024)...



Download: Avuá (2024).rar

 A banda Alumiô, iniciada por três meninas da cidade de Sapé, que carrega os ritmos, a poética e a performatividade popular nordestina para seu trabalho, lançou dia 8 de junho o seu primeiro EP com seis faixas, e no dia 14 de junho no Youtube o filme intitulado “Avuá”, realizado por Natália Di Lorenzo em Sapé, cidade natal das integrantes do grupo, no interior da Paraíba...

Tags:  , , , ,          

a_omori - Cozy (2024)...



Download: Cozy (2024).rar

Visualmente inspirado na banda Gorillaz, na vocaloid Hatsune Miku e no jogo de RPG Omori, com sua sonoridade voltada para o lo-fi hip-hop, synthwave e chill-hop, a_omori é um FDP (fictional digital producer), um personagem fictício criado por Arthur F. Santiago sendo reflexo de seu transtorno bipolar. Suas músicas retratam a forma com que ele tenta se acalmar, assim como se acalmava ao escutar outras músicas de artistas semelhantes no passado. a_omori é a forma como o autor se expressa em meio aos turbilhões de pensamentos e emoções do dia a dia, sendo um personagem bastante melancólico que, através da música, tenta lidar com sua própria tragédia... até que algo entra em sua cabeça...

Tags:  , , , , , ,          

quinta-feira, 11 de julho de 2024

beiramaquina - O transporte mais rápido do mundo (2024)...





 Glitches, ruídos e minimalismo se manifestam em beiramaquina, persona musical do artista Davi Serrano (Oto Gris, Ondas de Calor, Soledad), natural do Ceará e atualmente radicado em São Paulo.  Ele retorna com seu som baseado em synths, beats sujos e vocais processados. Se em sua estreia (“Beiramaquina Vol.1”, 2023), ele apresentou músicas influenciadas por gêneros da música eletrônica como ambient, noise e industrial, agora ele compõe paisagens sonoras onde sons ásperos e ruídos provocam choques conscientes com melodias de suspense e nostalgia em “O transporte mais rápido do mundo”... Continue Lendo no Itaquera Em Noticias

Tags:  , , , , ,          

Lucia Vulcano - Vim, Vi e Me Fudi (2024)...




Estar vivo não é fácil. Há uma série de desafios para enfrentar, seja socialmente quanto emocionalmente. E este é o tema central do novo e primeiro disco solo da mineira Lucia Vulcano, Vim, vi e me fudi, que sai em parceria com o coletivo Geração Perdida. Uma paródia do discurso proferido pelo então general romano Júlio César, em 47 a.C, para mostrar todo o seu poderio militar. Não à toa, César virou um ditador anos depois. “Viver é muito difícil. Quando somos crianças ou adolescentes, é sempre incentivado a termos sonhos, sermos criativos, querer algo a mais da vida. Mas a realidade de 90% do mundo é trabalhar para sobreviver. Não importa se você gosta ou não, se te faz mal, se te motiva, se você vê beleza. Temos que produzir, sem saber pra que e por quem. É sobre isso que eu tentei falar um pouco no disco. Já o nome é uma adaptação da frase de Júlio César em latim ‘veni, vidi, vici’, que eu achei mais apropriada para o contexto da minha vida”, comenta Lucia... Continue Lendo na Revista O Grito!

Tags:  , , , , ,          

quarta-feira, 10 de julho de 2024

CORUJONES - Projeções Astrais (2024)...




 Mesmo tendo nascido como um projeto solo, Corujones é uma banda. Mais que isso, é a maneira que seus integrantes encontraram para reagir/resistir a um mundo pautado por individualismo, mercantilismo, ”merecismo” e outros ismos que castigam pessoas de todas as idades nesse desgraçado vigésimo-primeiro século. Tarso Jones (voz e guitarra), Marcelo Moura (baixo), Hélio Miranda (bateria) e Carlos Beleza (guitarra solo) são amigos de longa data e já tocaram juntos em outras bandas do Distrito Federal. Na verdade, não faz muito tempo, os três primeiros estavam juntos na Rios Voadores, que era completada pela vocalista Gaivota Naves e pelo baixista Beto Ramos (Moura tocava guitarra então). Em certo sentido, “Projeções Astrais”, o primeiro álbum da banda, lançado pelo selo goiano Monstro Discos, é “herdeiro” da Rios Voadores. Ao mesmo tempo, o disco também mostra a banda se colocando em um caminho diferente… Parece confuso? Bem, eles explicam esse imbróglio logo no começo desta entrevista. Mas o que fica claro desde o início é que a Corujones é uma banda de rock influenciada por luminares setentistas e noventistas do gênero, especialmente os brasileiros. Tanto é assim que a segunda faixa – e primeiro single – do disco é uma bela e poderosa versão para “Sentado no Arco-Íris”, composição de Leno com letra de Raul Seixas, presente em sua versão original em “Vida e Obra de Johnny McCartney”, disco gravado entre 1970 e 1971 que foi engavetado pela gravadora CBS na época, e que só seria lançado em CD em 1995 (e em vinil apenas em 2018)... Continue Lendo no Scream Yell

Tags:  , , , ,          

Felipe Wander - Vila Nova da Rainha (2024)...



 Baiano radicado no RN, Felipe Wander acaba de lançar seu primeiro disco, Vila Nova da Rainha, disponível nas plataformas digitais desde domingo. Cantor, compositor, guitarrista e cientista maluco no estúdio/laboratório Tapete de Pavão, Wander gosta de produzir bem acompanhado. A prova disso é que reuniu mais de vinte parcerias ao longo do processo criativo do novo álbum. Entre compositores e instrumentistas, Vila Nova da Rainha conta com figuras como Babal, Tal Pessoa, Tony Lopez, Rafael Jackson, Aiyra, Heather, Tupy, Magno Alexandre, Persie, Ian Medeiros e muito mais. A mixagem e masterização é de Iago Guimarães. Com melodias marcantes e poesia afiada, as músicas convidam a um mergulho afetivo em timbres, texturas e experimentações sutis e tem tudo pra agradar os amantes do cancioneiro nordestino. As dez faixas representam a busca de Wander por um som diferenciado e sincero, construído de modo espontâneo entre ele e seus parceiros no Tapete de Pavão. Valendo-se de equipamentos analógicos, improvisações e da energia inconfundível da gravação ao vivo, é o senso de unidade que prevalece em Vila Nova da Rainha, onde cada elemento faz parte de um organismo vivo e pulsante, com influência de cantoria, rock e funk setentista, forró e xote. Moderno, romântico e experimental, o disco possui instrumentação variada, com muitas guitarras e violões, sanfona e sintetizadores, percussão, bateria,  contrabaixo e flautas... Continue Lendo no Papo Cultural

Tags:  , , , , , ,